Decoração afetiva | Com deixar a casa com a sua cara

por - janeiro 18, 2018

Você já ouviu falar em decoração afetiva?
Outro dia fiz um post no Instagram com fronhas bordadas a mão pela minha avó materna. Delicadas e feitas nas horinhas de distração da vovó, elas carregam amor e me trazem uma sensação de aconchego deliciosa.

A decoração afetiva faz isso: conta histórias de objetos e fomenta uma relação de afeto com peças únicas. Uma casa com decoração afetiva trás objetos que carregam lembranças e significados acerca de  pessoas, viagens, encontros e gostos pessoais.

A revista Casa e Jardim fez uma seleção especial de peças que ganham destaque na decoração e trazem muitas histórias em cada uma delas. Olha só:
  • A base da máquina de costura da vovó rende um lindo suporte para plantas. Já a prata da casa entra em cena como porta-petiscos: as peças podem acomodar grissinis, crudités e outros belisquetes. Copinhos menores servem de paliteiro.
  • Moedores antigos de carne são vasinhos surpreendentes enquanto pratos e até tampas sem par ganham lugar de destaque na parede.
  • O look surrado é o charme da mala Ella Arts, usada como lousa do barzinho. E as gavetas do móvel antigo e da máquina de costura ajudam a organizar os utensílios de cozinha.
  • O analógico na era digital: marque a senha do wi-fi no papel da máquina de escrever. Na sequência... Ralo antigo: ele pode ter perdido o corte, mas não perdeu a pose. Na última foto: talheres colados em tábuas de madeira eternizam as refeições em família.
Espero que gostem... Me contem aqui nos comentários! Beijos e até o próximo post!
Fotos: Reprodução / Casa e Jardim

Veja também...

0 comentários